Estivemos presentes no I Simpósio Internacional de Yogaterapia, que aconteceu em São Paulo, em um moderno auditório, no Colégio Maria Imaculada. O time de palestrantes reuniu renomados professores, pesquisadores e defensores do Yoga como: Sat Bir Khalsa (Harvard University, EUA), Subodh Tivari (Kaivalyadhama, Índia), Elisa Kozasa (Hospital Israelita Albert Einstein), Lia Diskin (Palas Athena), Marcos Aquino (Yoga Bahia), Monja Coen (Zen Do Brasil), Roberto Cardoso (UNIFESP), Marcos Rojo (coordenador do Simpósio) e Danilo Forghieri Santaella (coordenador do Simpósio).

Foto: Reprodução/Instagram/Marcos Rojo)

As atividades aconteceram entre os dias 06 a 08 de setembro com palestras enriquecedoras e estimulantes, cada palavra emanada fez sentido para a atual situação do Yoga mundial, mostrando a importância dessa união entre tradição e ciência, bem como a necessidade mais encontros como esse para firmarmos as bases e mantermos a seriedade e os valores da Yogaterapia. Os temas abordados envolviam saúde, ética, cuidado, políticas públicas e recentes pesquisas acadêmicas sobre o tema da Yogaterapia, onde foi impossível não se emocionar com os estudos que trazem resultados comprovando os benefícios já milenarmente conhecidos que a Yogaterapia pode ter na saúde mental, espiritual, social e fisiológica.

No simpósio entre os posters apresentados tivemos o nosso do Instituto de Yoga Integrativa do Centro de Yoga Montanha Encantada, com o projeto “Coração saudável: um programa de Yogaterapia no SUS – reflexões e análise de resultados” com autoria de Joseph Le Page, Maitê Taís Luemke e Priscila de Ávila. A psicóloga do “Programa Coração Saudável ” Priscila Borba de Ávila, defendeu de forma consistente o projeto, na qual a prática de Yoga se encontra orientada para um sentido mais amplo de cura, onde a saúde é vista como um estado vital de bem-estar físico, mental, emocional, social e espiritual, conceito abraçado pela Organização Mundial de Saúde – OMS, reconhecendo também que temos aí um fértil campo de pesquisa a ser desenvolvido.

Aconteceu dentro do Simpósio muita troca de energia, conhecimento, vibração e amor. Fomos inspirados em cada palestra a permanecer e alcançar no verdadeiro “Ser”. Foi uma troca linda com seriedade e fundamento. No final o mestre de cerimonias encerrou com a maravilhosa citação  “O amor cura. O amor une. O amor nutre. O amor entusiasma. O amor alivia. O amor motiva. O amor mobiliza. O amor possibilita a vida!” – Gandhi -; e uma imensa vontade de sermos melhores.